O MELHOR CENTRO DE ESTUDOS EM FISIOTERAPIA DE ALAGOAS!

Você Sabia ?

Quem somos

09/10/2015

O QUE OCORRE COM O NOSSO CORPO QUANDO SOFREMOS UMA LESÃO ?

Quando sofremos uma lesão então, nervos e vasos se rompem, o tecido danificado passa a ser detrito e precisa ser removido da área antes que novas células substituam-nas, esses resíduos liberam mediadores químicos que sinalizam ao

corpo a lesão, nervos rompidos enviam impulsos ao cérebro (dor), o sangue extravasa causando edema, este hematoma cria pressão sobre neurônios adjacentes causando mais dor, o corpo responde com espasmos musculares, diminuição da força dos músculos e diminuição de amplitude de movimento no local lesado. Essas respostas são esforços do organismo para se proteger e imobilizar a região evitando o agravamento da lesão.

Qualquer evento que danifique a estrurtura ou função do tecido e altere a capacidade das células realizarem o mecanismo homeostático normal é interpretado como lesão e ocasiona uma resposta inflamatória. Nesta resposta passam-se 08 fases, das quais as 4 últimas servirão para remoção do hematoma formado, são elas:

1-ALTERAÇÕES HEMODINÂMICAS –
2-ALTERAÇÕES DE PERMEABILIDADE –
3-MIGRAÇÃO DE LEUCÓCITOS E
4-FAGOCITOSE

Porém a resposta inflamatória apesar de necessária não é de todo positiva, pois os vasos danificados diminuem o fluxo sanguíneo dos vasos da periferia da lesão diminuindo assim o aporte de oxigênio às células ao redor da lesão que não foram danificadas e se isto ocorre por muito tempo estas células entram em hipóxia secundária, (morrem devido à falta de oxigênio) aumentando a quantidade de tecido lesado, aumentando os detritos, e como havia falado antes estes resíduos aumentam o hematoma e a área afetada aumenta.

👉E aí o que devemos fazer ?
Sugestões por favor!

Referência: Knight KL. Crioterapia no tratamento das lesões esportivas. São Paulo: Manole, 2000.

Fonte: Dr. Leonardo Emery Costa (Crefito 1 – 9459/LTF)